Vitamina D3 – Hormona da Vida

essencial à Tiroidite Hashimoto

Esta vitamina, “Hormona da vida” como é também nomeada por alguns médicos, por ser essencial na maioria dos processos metabólicos e saúde de qualquer um de nós, foi descoberta nos anos 1600.
Uma das questões que colocam-me muito na altura do Sol sobre a Vitamina (“hormona”) D3 é “se devo tomar suplemento porque é saudável e faz bem?”

Ou afirmações como seguem no exemplo:

“Se há sol já não preciso de vitamina D, trabalho em locais fechados e levo o protetor já colocado no corpo todo à saída de casa antes de ir para a praia e maior parte do tempo estou debaixo do chapéu porque disseram que não podia apanhar muito sol…”
Será que esta pessoa não precisa e está com níveis suficientes de vitamina D3?

Estes e muitas outras são as questões que aparecem na consulta e parece que a maioria das pessoas está confusa em relação a este assunto, por isso fiz um pequeno vídeo onde respondo a essas e outras questões relacionadas com a vitamina D.

Seria impossível em breves minutos falar dos e inúmeros benefícios da vitamina D3, mas ficam com uma noção geral de como é importante monitorar e ser acompanhado no caso de défice e necessidade de suplementar…

Uma curiosidade: sabiam que antigamente eram feitos tratamentos para combater o raquitismo nas crianças com exposição prolongada ao sol e luzes com raios uv que transmitissem a mesma vitamina para o desenvolvimento saudável das crianças?? importante manter os níveis adequados nos bebés! o facto de fazerem 6 m e pararem de recomendar a toma desta vitamina pode comprometer o sistema imune, ósseo entre outros dessa criança que esta a crescer e as fontes alimentares são limitadas. se formos analisar alimentos que contenham vitamina d são poucos, como: gema ovo, sardinha, cogumelos… e tinham que comer quantidades altas p ter doses normais.

Também, existem Países onde um dos tratamentos, entre outros, no combate ao Cancro é a vitamina D3 em doses medicamente controladas.
Muitas depressões, entre outras patologias estão, muitas vezes, ligadas aos défices desta vitamina?

Alterações na Tiroide, Tiroidite Hashimoto, sistema imune, gastrointestinal, entre outros …esta vitamina tem um papel fundamental… porquê agora a “fobia” do sol?

Solicitarem análise só a partir dos 50 Anos??
Onde está a caminhar a nossa medicina hoje, quando grandes descobertas de milhares de anos atrás e cada vez mais estudos demonstram os efeitos desta “hormona da vida”?… Felizmente a Medicina e Nutrição Funcional valorizam os seus valores.
Exemplo nas doenças auto-imunes podem ser necessárias doses de 10 000 ou mais deve ser acompanhado com vit k2 para evitar placa de ateroma, funciona como um “limpador de canos”.

Importante dizer que excesso de exposição solar e se vai passar um dia de praia ao sol a proteção é essencial e não deve ser descurada, mas usem o sol de forma adequada tornando-o benéfico e não prejudicial. Deixar de apanhar sol ou apanhar demasiado não é a solução.

Na praia, a melhor hora para adequirir vitamina d é entre 11h e as 16h — cerca de 20 min dependendo da época do ano também.

O tipo de pele também é importante, as pessoas de raça negra como apanham diariamente vitamina d produzem mais melanina e tem maior necessidade de vitamina d pois criam resistência a mesma, precisam de mais tempo de exposição.

Depois podem usar proteção com Protetor mineral ou óleo de coco extra virgem, pois os químicos também tem potenciais cancerígenos.
Depois da praia não se deve logo tomar banho, deve-se estar cerca de 2h sem limpar logo o corpo para continuar a síntese de vitamina D, pois ela é lipossolúvel.
Também é interessante ver, em caso de défice, os níveis de mercúrio e níquel que são quelantes de vitamina D.

Dê a sua opinião sobre esta notícia

This contact form is deactivated because you refused to accept Google reCaptcha service which is necessary to validate any messages sent by the form.